Ovo todos os dias: comer ou não?

Podemos comer ovos todos os dias?

A discussão sobre o ovo é antiga, pois já foi considerado um “vilão” e até um superalimento. O que se sabe atualmente é que o ovo é um alimento muito nutritivo. Confira seus benefícios!

O ovo é dividido em duas partes, a clara e gema, e cada uma possui benefícios diferentes para a nossa saúde:

  • A clara é constituída por proteína, como a albumina, que influência o ganho de massa muscular, a regeneração das células musculares e a defesa do organismo contra doenças.
  • A gema também possui proteínas em sua composição e diversas vitaminas, principalmente do complexo B, como vitaminas B1, B2, B6, B7, B9, B12 e colina. A colina é um nutriente que faz parte da membrana celular e ajuda na transmissão de informação entre as células, por esse motivo auxilia na manutenção da saúde mental, principalmente de idosos, e no desenvolvimento do feto na gestação.

Há ainda outros componentes presentes no ovo, principalmente na gema, como a vitamina D, mais conhecida como a “vitamina do sol”, e um dos poucos alimentos que a possuem em sua composição. Ela é responsável pela deposição do cálcio nos ossos, possui importante influência nas doenças do coração e diabete. Além disso, contém vitamina A, E, K, cálcio, ferro, magnésio, manganês, zinco, cobre e selênio.

Como podemos perceber, o ovo é rico em propriedades que auxiliam o funcionamento do nosso corpo, além de ser fonte de antioxidantes que protegem os olhos da radiação, prevenindo doenças oculares.

Outra grande polêmica sobre os ovos é a respeito do colesterol e da salmonela, uma bactéria que causa intoxicação alimentar. O colesterol está presente em uma proporção muito pequena, não sendo suficiente para alterar o colesterol sanguíneo. Com relação à salmonela, a recomendação é consumir o ovo completamente cozido (evitando a gema mal cozida), higienizando-o antes do preparo e sempre lavando as mãos antes de iniciar qualquer preparação.

Como é possível perceber, o ovo possui diversas ações positivas para a saúde, mas, claro, sempre vale lembrar que em excesso tudo faz mal, por isso o consumo de 1 a 2 unidades ao dia, sempre evitando as versões fritas. No entanto, dependendo do seu plano alimentar essa quantidade pode variar.

Texto elaborado por nutricionistas da Natue.

Gostaram das informações pessoal?
Deixem suas dúvidas nos comentários!

Beijos

Mayra Dancini

Química, capricorniana, sensível e apaixonada pela vida e pela beleza dos detalhes a nossa volta. Gosto de aprender como funciona nosso corpo, nosso universo e praticar a arte da maquiagem. Acredito que nada substitui o amor, o respeito, uma boa comida, o sorriso sincero e uma vida ativa e equilibrada.

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *